No Japão, PS5 está vendendo mais rápido em seu lançamento do que o PS4; Mas vende poucos jogos

Achou interessante? Compartilhe com outras pessoas.

No Japão, PS5 está vendendo mais rápido em seu lançamento do que o PS4; Mas vende poucos jogos

Depois de todo o alvoroço em torno do lançamento do PlayStation 5 no Japão, o console da geração atual está vendendo mais rápido em sua época de lançamento do que seu antecessor, o PS4.

Vale lembrar que o PS4 não chegou até fevereiro no mercado Japonês de forma oficial, o que significa que os dois consoles estão em condições diferentes, ainda assim, para balancear essas dificuldades, o PS5 está praticamente impossível de ser comprado atualmente, devido ao seu estoque (que praticamente não existe).

De acordo com os dados de vendas de hardware da Famitsu, o PS4 tinha um número de 643.912 unidades na conclusão de sua 24ª semana de venda, enquanto o PS5 acaba de atingir a marca de 658.778 unidades (14 mil unidades a mais vendidas em sua 24° semana para o PS5). A Golden Week está se aproximando no Japão, o que pode dar ao PS5 outro solavanco – supondo, é claro, que a Sony possa efetivamente colocar o estoque nas prateleiras.

Infelizmente, o console simplesmente não está conseguindo movimentar grandes vendas de softwares. A semana terminada em 25 de abril viu o lançamento do remaster de Judgment no PS5, e a SEGA abaixou o preço das cópias físicas para apenas ¥ 1.800 (~ US$ 16) para ajudar a promovê-lo. No entanto, conseguiram vender apenas 5.539 unidades de acordo com os dados de vendas da Famitsu. O NieR Replicant ver.1.22474487139 ultrapassou 108 mil unidades vendidas no PS4, e estamos curiosos para saber se os proprietários do PS5 decidirão comprá-lo.

O que exatamente está acontecendo com as vendas de softwares no PS5 para o público japonês ainda não está claro. Nos últimos tempos há tendo sido preferência dos jogadores, as mídias digitais, conforme mencionado pelas finanças da própria Sony a um tempo atrás. O que exatamente os jogadores japoneses estão jogando em seus consoles da geração atual? A compatibilidade com versões anteriores está afetando as vendas de novos softwares? O hardware está sendo comprado e exportado para outras nações asiáticas?

Resident Evil Village deve nos dar algumas indicações, já que embora também esteja disponível no PS4, é o próximo lançamento do PS5 e tem um verdadeiro interesse do consumidor japonês. No entanto, se ele fracassar – e não esperamos que os números sejam extraordinários de forma alguma -, então, perguntas reais precisam ser feitas sobre o que está acontecendo no Japão. A Sony está vendendo mais jogos do que nunca em todo o mundo, é claro, mas suas vendas físicas de software são praticamente inexistentes no mercado japones no momento.

0 0 votes
Article Rating
Achou interessante? Compartilhe com outras pessoas.
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments