Nintendo se recusa a falar sobre relatório que indica a produção de um Switch Pro

Achou interessante? Compartilhe com outras pessoas.

Nintendo se recusa a falar sobre relatório que indica a produção de um Switch Pro

A Nikkei relatou na terça-feira que a Nintendo pediu a seus parceiros de fabricação para aumentar a produção do Switch para 30 milhões de unidades neste ano fiscal, que termina em 31 de março de 2022.

Os números representariam o nível de produção mais alto do Switch até agora e um aumento sem precedentes no quinto ano de um console de jogos desde o lançamento.

Durante os primeiros nove meses de seu ano fiscal anterior, que terminou em março, Switch vendeu 24 milhões de unidades, de acordo com a Nintendo.

Nikkei observa que os números dependem do caminhar da atual escassez global de semicondutores, que afetou todas as indústrias de eletrônicos de consumo durante a pandemia.

“A empresa abordou vários fabricantes de peças para aumentar a produção”, diz o relatório do Nikkei.

“Vários funcionários admitiram para nós que estão considerando expandir a produção. A empresa também deve adicionar um modelo de última geração com qualidade de imagem superior, e este será o primeiro modelo adicional do Switch desde o Nintendo Switch Lite, que foi lançado em setembro de 2019 e o tornou mais portátil ”.

Um porta-voz da Nintendo respondeu: “Não há nada que possamos dizer sobre os números de produção e modelos de última geração”.

Com quase 80 milhões de consoles vendidos em 31 de dezembro de 2020, Switch parece certo se tornar o console doméstico mais vendido da Nintendo.

A próxima atualização de hardware do Nintendo Switch – apelidada de “Switch Pro” pelos analistas – apresentará  a tecnologia DLSS da Nvidia e uma tela aprimorada.

De acordo com um relatório recente da Bloomberg , o  “Switch Pro” incluirá uma nova tela OLED da Samsung de 7 polegadas , ao contrário das telas LCD de 6,2 e 5,5 polegadas do modelo padrão atual e do Switch Lite, respectivamente.

Em uma entrevista recente, o presidente da Nintendo forneceu uma atualização sobre a produção de hardware do Switch, afirmando que a empresa havia conseguido garantir semicondutores suficientes para produção “imediata”.

No entanto, falando com Nikkei,  Shuntaro Furukawa avisou que o Switch ainda pode enfrentar escassez de hardware este ano devido à demanda significativamente grande.

“Conseguimos garantir os materiais necessários para a produção imediata de semicondutores para switches”, disse ele. “Porém, no Japão e em outros países, a demanda está muito forte desde o início do ano e há possibilidade de escassez em alguns varejistas no futuro.

“É difícil dizer como vamos lidar com isso, mas em alguns casos, podemos não ser capazes de nos preparar o suficiente para os pedidos.”

Caso surja novidades sobre o suposto Switch Pro, você ficará completamente informado aqui na República dos Geeks. Ative as notificações para ficar por dentro das notícias postadas em nosso site rapidamente.

5 1 vote
Article Rating
Achou interessante? Compartilhe com outras pessoas.
5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback

[…] o que vem por aí para a Nintendo? Há rumores constantes de que a empresa está trabalhando no Nintendo Switch Pro, que supostamente suporta visuais 4K junto com várias outras melhorias. Eles […]

trackback

[…] barato que não tem a capacidade de se conectar a uma televisão. Também continuam circulando rumores de que a Nintendo planeja lançar um modelo “atualizado” de Switch este ano, que terá uma tela OLED e suporte 4K, mas a Nintendo negou esses […]